sábado, junho 19, 2010

Morte

Já eutanasiei mais de uma centena de animais. Muito não é?... pois é....

Começa cedo quando somos estudantes e estagiários..... "queres treinar uma endovenosa? Então treina aqui neste animal sedado" (sim, nessa altura felizmente n arriscam a ter animais acordados para treinarmos".... Seja cá ou no estrangeiro é assim que o pequenino treina...."Queres aprender a colocar um catéter? Então coloca e dps dá este liquido especial"...

Já eutanasiei animais moribundos, doentes, com obesidade mórbida, com doenças infecciosas, agressivos, animais que ninguém quer a não ser o dono que não o pode ter mais e prefere que tenha um fim digno. Já eutanasiei velhos, adultos e bebés.

E é uma merda.Sempre e sem excepção. Sei que não sofrem... mesmo os que resistem, pq há os que resistem, não sofrem. Por vezes o corpo ainda tenta lutar e puxar mais uma lufada de oxigénio, mas são reflexos, a mente já não está ciente.

E é uma merda.Todos eles custam. Todos. Costumo preferir fazê-lo sem os donos por perto. Não é que seja para evitar mostrar erros ou coisas menos boas, pq isso infelizmente sei fazer demasiado bem, mas sim pq é uma maneira de me proteger. Prefiro fazê-lo com uma enfermeira ou auxiliar, quase em modo automático, ou com uma conversa ligeira que me permita abstrair do que estou a fazer. Atenção, não é que não ache que seja algo justificado, 99% das vezes é, mas dói sempre.

E depois há aqueles casos pelos quais lutámos tanto, durante tempos a fim, todos os dias lutámos por eles e com eles, e acabamos por ser nós a ter de administrar aquele acto final.

Das eutanásias mais penosas que tive (fora dos meus próprios animais) foi uma rottweiller Soraya... todos os dias durante mais de uma semana ficávamos para além da hora e algaliávamos a Soraya. Todos os dias lutávamos por ela... até que o dia final chegou. Coube a mim e ao meu colega de luta fazê-lo.... até os donos perguntaram se éramos nós a fazê-lo, nós que a tínhamos acompanhado tanto tempo.... E enquanto administrei o líquido que tão bem conheço, a dona gritava adeus e desculpas por n terem conseguido fazer mais.... e custou tanto reter as lágrimas assim....

Por isso não gosto de ter dos donos, imprimem uma carga emocional muito mais pesada.

Pq apesar de me tentar abstraiar do que estou a fazer, há sempre um adeus e uma festa no fim do que eu faço. Sempre.

2 comentários:

.I. disse...

"Já eutanasiei mais de uma centena de animais."

Bela frase para se começar um bestseller.

Corset disse...

foda-se. Arrepiei-me e chorei.:S